Leandro Lo rouba a cena na Copa Pódio

Leandro Lo rouba a cena na Copa Pódio

 

Com estrutura impecável e uma proposta inovadora, a Copa Pódio de Jiu-Jitsu foi um espetáculo a parte e esquentou a noite no clube Hebraica, Rio de Janeiro. Dez atletas da categoria peso médio foram divididos em dois grupos de cinco e após os atletas de cada grupo lutarem entre si, classificaram-se quatro para a semifinal, seguindo um modelo parecido com o campeonato carioca de futebol.

 

Ricardo Bastos (Nova União) se classificou em primeiro no grupo verde enfrentou o segundo colocado do grupo amarelo, o campeão do GP dos leves do ano passado, Leandro Lo (Cicero Costha). Já no grupo amarelo, Dimitrius Souza (Alliance) terminou em primeiro e encarou David Ramos (Atos) na outra semi.

 

Na primeira semifinal, Leandro Lo saiu atrás no placar contra Rico Bastos, mas aos poucos foi assumindo o controle do combate, classificando-se para a final através de um 8 a 2. Do outro lado da chave, Dimitrius Souza e David Ramos fizeram um lutão e no duelo de raspagens, o atleta da Alliance acabou levando a melhor por 6 a 4.

 

Na finalíssima, Leandro Lo impôs melhor o seu estilo de jogo e derrotou pela segunda vez Dimitrius Souza, já que na fase de grupos o atleta de Cícero Costha fez 2 a 0 no lutador da Alliance. Lo raspou Dimitrius e chegou a conseguir a montada para conquistar o título da competição. Perguntado sobre a possibilidade de lutar no GP dos pesados que acontece no final do ano, o campeão dos leves e agora dos médios, não pensou duas vezes: “Se tiver uma vaguinha do GP dos pesados para mim, estou dentro (risos)”.

 

Langui vence Caloquinha no tempo extra

 

Na super luta de abertura da Copa Pódio, Michael Langhi (Alliance) e Claudio Caloquinha (Gracie Barra BH) fizeram um duelo equilibrado, que terminou empatado em 4 a 4. No tempo extra, quem marcasse ponto primeiro levava e Langhi não vacilou, pegando as costas de Caloquinha para conquistar a vitória.

 

Guto derrota Abi Rihan em combate polêmico

 

No outro duelo casado, não faltou emoção para o combate entre Raphael Abi Rihan e Guto Campos. Com uma guarda ofensiva, Guto atacou uma omoplata no seu adversário, que se defendeu bem. Na sequência, Abi Rihan foi pego em um justo arm-lock, e um dos árbitros laterais pediu que o combate parasse alegando que Raphael estava com o braço quebrado. A luta foi parada para que os médicos checassem e não foi detectada nenhuma fratura. O juiz deu dois pontos para Guto, pelo golpe encaixado, sendo que Abi Rihan vencia nas vantagens. Placar final: Guto 2 a 0 Abi Rihan.

Fonte: http://www.tatame.com.br/2012/07/22/JJ–Leandro-Lo-rouba-a-cena-na-Copa-Podio

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: